Guia Cultural Do Vale Do Café

O guia cultural vale do café, que envolve 15 municípios do centro-sul e Médio Paraíba, acaba de ganhar um guia, que detalha sobre atrações turísticas da região. Com 114 verbetes, em 168 páginas com textos e fotos, o Guia Cultural do Vale do Café lista os atrativos da região, separados por categorias e áreas geográficas.

O vale do café abrange as seguintes regiões:

oi

Eu nasci em Barra do Piraí e vou mostrar dicas de atrações e lugares lindos dessa cidade.

A fazenda Ponte Alta possui o poder de te teletransportar para o passado, é de 1830.

A belíssima propriedade chegou a ter 400 escravos quando pertenceu ao barão de Mambucaba, sobrinho do capitão-mor José de Souza Breves. Quando Evelyn Pascoli adquiriu a propriedade, implantou o sarau histórico, pioneiro na região, e as visitas agendadas. O atual proprietário arrendou uma parte da fazenda ao simpático Roberto Freitas, que vem dando continuidade aos animados programas culturais.
O Sarau Histórico, realizado há mais de dez anos, é um programa pedagógico muito requisitado por grupos escolares. Nele são apresentados personagens emblemáticos, como o Barão e a Baronesa de Mambucaba, a Mucama Rosa e a Sinhazinha Luizinha, que recebem os visitantes vestidos a caráter.  Via Guia.

faz

Existem outras fazendas da região, mas essa é a que me chama mais atenção, pelo fato de manter vivo a história do local através das apresentações…

Em Piraí, que é bem pertinho de Barra do Piraí vou indicar meus lugares preferidos para comer. Piraí é conhecida como terra da Macadâmia. Nessa cidade a festa da Tilápia é muito famosa, pois além dos shows que ocorrem, existem inúmeras barraquinhas gastronômicas com as mais diversas especiarias da região. Piraí Fest também é muito divertido. Vale uma visita. Veja o Calendário.

ko

Sem dúvidas meu restaurante preferido. A especialidade é peixe e o atendimento de melhor qualidade.

A partir da ideia de um amigo pescador, o vassourense Geraldo Magella abriu inicialmente um bar que dispusesse o que há de melhor na gastronomia pesqueira da região. Há doze anos em Piraí, e hoje um restaurante de sucesso, o Magella’s costuma ficar lotado nos finais de semana, sobretudo aos domingos, entre 13h e 15h. O ponto faz fama entre os piraienses que valorizam o atendimento familiar e a degustação de peixes fresquinhos.
Os peixes mais pedidos no local são a tilápia e a traíra, especialidades do lugar. Mas há clientes fiéis que vão lá só para saborear a traíra sem espinhas, que exige uma técnica especial, já dominada pelo Magella. Via Guia.

Agora para adoçar a boca vamos conhecer a Torteria Adriana.

oioi

Adriana começou timidamente em casa, há 22 anos. No início abriu uma pequena lojinha que vendia um pouco de tudo. Com o tempo, foi se especializando nos doces, aprendendo, se aperfeiçoando e hoje é reconhecida como a confeiteira das maiores delícias que o Vale do Café tem a oferecer. O segredo, que ela conta com orgulho, “é fazer a torta maravilhosa, como ela gostaria de comer”.
Adriana foi vencedora da segunda edição do Piraí Fest com a sua Torta de Macadâmia Folhada. Uma das mais procuradas e também premiada é a torta Lei Seca, feita de mousse de chocolate, com base de biscoito, coberta com calda de chocolate e cachaça, e crocante de macadâmia. Via Guia.

Gente além da fábrica ela tem uma loja com suas gostosuras, amo os macarons e doces. Graças ao Guia eu fiquei sabendo que podemos fazer visita na fábrica. Que tal um post falando sobre o empreendimento e sucesso da Adriana?

O Mara Palace Hotel em Vassouras.

Sem título

A casa em estilo colonial foi construída em 1870 e pertenceu ao Comendador Teixeira Leite, um dos filhos do Barão de Itambé. Anos depois, o Sr. Gerson Tambasco adquiriu o imóvel, sem saber que destino daria ao espaço. No carnaval de 1962 emprestou as chaves a um amigo, propondo que ele assumisse a hospedaria naquela temporada. Ao constatar que resultou em um ótimo negócio, abriu oficialmente o Mara Palace. Via Guia.

Pretendo ir no Mara Palace assim que possível, só de ver a foto do jardim me imaginei na novela “Além do Tempo”. Que delícia.

divisao

Gente o Vale do Café engloba várias cidades e da para visitar vários cantinhos culturais e conhecer muita coisa. Comentei só alguns. Mas fiquem a vontade pra explorar o site e conhecer um pouco mais da minha região. A riqueza da cultura me incentivou a sempre que puder conhecer e visitar cada canto, é até uma boa opção pra quem quer fazer uma viagem e quer gastar pouco.

E que tal você me fazer uma visita nas suas próximas férias?

 Guia Vale do Café Digital

EUSEI

Anúncios

5 comentários sobre “Guia Cultural Do Vale Do Café

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s